cadastre-se

Cadastre seu email e receba novidades

Facebook

Notícia

Mais um round na disputa pelo comando do Sindimed

Arquivo: BNews

Arquivo: BNews

Por: Vagner Souza/BNews
 
Mais um round na briga pelo comando do Sindicato dos Médicos da Bahia (Sindimed). Mesmo com uma liminar deferida pela 39º Vara do Trabalho determinado que a chapa 2 fosse empossada nesta quarta-feira (2), não houve o ato de posse.
 
A Chapa 1, encabeçada pelo atual presidente da entidade, o obstetra Francisco Magalhães, entrou com petição na mesma Vara que reconheceu não ter competência para deferir a liminar. “Todos os processos envolvendo a eleição estão concentrados na 10ª Vara. O que a chapa 2 fez foi litigância de má fé”, ataca Francisco, que continua. "Eles pressionaram um juiz para trabalhar no final de semana apenas com o intuito de obter uma liminar de posse que, do ponto de vista legal, tem sua validade totalmente questionada".
 
Ainda segundo Francisco, o juiz da 39ª Vara, Marco Antônio de Carvalho, reconheceu "a incompetência do juíz da 39ª Vara do Trabalho de Salvador para processar e julgar o presente feito que compete a 10ª Vara do Trabalho...”.
 
Franciso firmou ainda que a diretoria do Sindimed "seguirá acompanhando o processo que tramita na 10ª Vara, colocando acima de tudo o interesse coletivo da categoria médica".
 
Fonte: BNews

Deixe seu comentario:


Todos os direitos reservados à FETRAB